Booming Tech Hub LOGO

Toolbox

Recursos, dicas e dados relevantes do mercado de investimento em startups;

disponibilizados quinzenalmente para auxiliar você.

Navegação

Metodologia squad: aprenda como estruturar no seu negócio

O método criado pelo Spotify tem sido bem recebido em outras equipes, e a sua pode ser a próxima.

Certamente uma das partes mais difíceis e importantes de gerir o seu próprio negócio é definir uma cultura organizacional bem estruturada que sirva de base para que as mais variadas áreas da sua equipe possam se desenvolver de forma independente.

 

Para isso, existem diversos tipos de gestão e inúmeras metodologias que podem ser aplicadas nas mais variadas equipes. A que vamos falar nesse texto é a metodologia squad.

 

Com benefícios tanto para as empresas quanto para os clientes, a utilização da metodologia de gestão squads tem ganhado cada vez mais espaço em negócios de diferentes setores.

 

Esse modelo surgiu dentro do time do Spotify, mas já se espalhou pelas mais diversas empresas como Nubank, Magazine Luiza e Natura trazendo ótimos resultados de produtividade e satisfazendo clientes externos e internos.

 

Para saber mais sobre como funciona esse modelo de gestão e quais são os seus benefícios, consulte o nosso post do instagram sobre o tema.

 

O que são squads?

 

Se afastando da imagem corporativa de equipes grandes e longos processos gerenciados por uma figura de líder, essa metodologia promove uma alternativa para trabalhar em um determinado projeto, produto ou solução inovadora.

 

Com equipes pequenas (cerca de 8 membros) e multidisciplinares, os squads unem suas potencialidades para chegar a uma solução específica, tudo isso com bastante autonomia. 

 

Além disso, os squads podem ter outras formas de divisão e agrupamentos, como tribes, chapters e guilds.

 

 Tribes são squads inteiros que trabalham em áreas correlatas de um mesmo projeto; Chapters são grupos horizontais de pessoas que exercem funções e possuem habilidades similares; e Guilds são grupos de pessoas que têm interesses em comum e se unem independente das fronteiras de seus Squads ou Tribes.

 

Como estruturar squads dentro da minha equipe?

 

 

 

Fazer mudanças estruturais numa equipe é sempre um desafio, pois tudo isso está associado à cultura organizacional da empresa. 

 

É preciso fazer essa mudança com consciência de que a rotina de trabalho passará por um período de adaptação e que, assim como toda inovação, é um processo que deve ser feito de forma aberta e que todos os envolvidos tenham espaço para se expressar sobre.

 

  • Defina os objetivos

Antes de dividir os squads, analise as necessidades da empresa no momento e busque entender quais serão os objetivos de cada squad. Quando se tem um objetivo bem definido, não importa tanto o caminho que os membros farão para chegar até ele. 

 

Isso deixa o trabalho mais independente e flexível, criando uma cultura de trabalho onde o colaborador pode se sentir livre para fazer as coisas do seu jeito, desde que atinja o resultado esperado

.

  • Analise os colaboradores

A equipe de RH deve mapear as potencialidades de cada colaborador para formar squads que se complementam, tendo sempre a noção de que é de suma importância ter colaboradores que são capazes de se autogerenciar, afinal cada squad é uma unidade autônoma dentro da empresa. 

 

Respeite sempre os princípios básicos de multidisciplinaridade, autonomia, colaboração e confiança.

 

  • Implemente uma metodologia ágil

As metodologias ágeis promovem processos mais enxutos e demandas com entregas em períodos menores de tempo, almejando sempre a inovação e desenvolvimento contínuo da empresa. Estes métodos permitem que cada membro da equipe possa testar a mesma ação de diferentes formas, descobrindo a melhor forma para alcançar o resultado desejado.

 

 Elas se baseiam em 5 pilares: comunicação, praticidade, alinhamento de expectativas, adaptabilidade e flexibilidade e pequenas equipes. 

 

Principais tipos de métodos ágeis:

 

Scrum

É um método interativo e dinâmico que busca a opinião do cliente em todas suas etapas, é uma união entre reuniões e ferramentas. Dentro desse método são feitas entregas frequentes e a solução vai sendo construída aos poucos a partir de cada feedback. 

 

Geralmente é um método mais utilizado em equipes que trabalham no desenvolvimento de softwares, mas cada vez mais tem sido comum encontrá-lo em outras áreas.

 

Kanban

Se trata de um quadro onde se divide as tarefas da equipe em três colunas: à fazer, fazendo e feito. O sistema é bem simples, mas todos os envolvidos precisam estar engajados para que ele possa ser efetivo. 

 

É necessário que haja um acompanhamento constante das tarefas e uma boa organização e comunicação geral da equipe.

 

SMART

É um acrônimo para specific, measurable, attainable, relevant e time-related. Em português: específico, mensurável, alcançável, relevante e temporal. Essas são as características que compõem metas mais reais e atingíveis.

 

Lean

É um dos métodos mais difundidos dentro do ecossistema de startups, cujo objetivo principal é eliminar desperdícios (de recursos, de ideias, de tempo…). É uma metodologia muito utilizada para validar hipóteses e consiste em três etapas: construir, medir e aprender.

 

Está precisando de uma mãozinha para gerenciar sua empresa? Entre em contato com um de nossos especialistas e pergunte sobre o nosso serviço de Assessoria de Negócios.

Logotipo da Booming Tech Hub

Contatos

 

Equipe Booming.

04/11/2021
Inscreva-se em
nossa newsletter

    Logotipo da Booming Tech Hub

    Contatos

    (21) 2505-2500
    contato@booming.vc

    R. do Carmo, 71 – Centro
    Rio de Janeiro – RJ, 20011-020